Após deixar Poços de Caldas, goleiro Bruno tem pré-contrato para jogar no Ceará

O Barbalha enviou uma proposta para o jogador, que tentará transferência para assinar em definitivo

por Agência Futebol Interior

Barbalha, CE, 29 (AFI) - O Barbalha não perdeu tempo e já enviou um pré-contrato para o goleiro Bruno reforçar o clube no Campeonato Cearense 2020. A decisão foi tomada após o jogador romper o seu vínculo com o Poços de Caldas por falta de pagamento de salário e de fornecimento de material esportivo por meio do clube.

Para poder atuar no Barbalha, Bruno precisará transferir o cumprimento da pena para a comarca da cidade cearense. Caso ao contrário, o pré-contrato não terá validade. O time cearense já acertou os vencimentos do atleta, por meio de seus empresários.

Segundo a advogada do goleiro, Bruno não recebia há dois meses e, por isso, optou por deixar o Poços de Caldas. Ele atuou pelo clube mineiro apenas em um amistoso, por 45 minutos. A expectativa é que retorne ao futebol em terras cearenses.

Bruno tem proposta do Barbalha
Bruno tem proposta do Barbalha
BARBALHA

Bruno é um desejo antigo do Barbalha, que tentou contratar o jogador entre julho e agosto. Por ser de Minas Gerais, o Poços de Caldas acabou sendo o caminho mais fácil para o atleta retornar aos gramados, em um primeiro momento, mas os planos acabaram não sendo como esperado.

No entanto, pelo time cearense, Bruno poderia atuar na Primeira Divisão do Estado e ainda disputaria a Copa do Brasil, título que ainda falta na sua carreira. Ele conquistou um brasileiro pelo Flamengo, além de três cariocas.

MAIS DE BRUNO
O camisa 1 está preso desde 2010 pelo assassinato de Eliza Samúdio e pelo sequestro e cárcere privado do filho Bruninho, que hoje vive com a avó. No momento, ele está cumprindo pena no regime semiaberto em Varginha. Lá, chegou a defender o Boa Esporte por cinco partidas durante a temporada de 2017.