Após vexame histórico, jogadores do Barcelona são recebidos com protestos no CT

A equipe perdeu para o Bayern de Munique por 8 a 2 e deve sofrer muitas mudanças para a próxima temporada

por Agência Estado

Campinas, SP, 15 (AFI) - A delegação do Barcelona deixou o hotel onde estava concentrada em Lisboa na manhã deste sábado e desembarcou horas depois na Espanha, onde os jogadores e a comissão técnica foram recebidos com protestos por torcedores que colocaram cartazes no centro de treinamento do clube para expressar a indignação diante da goleada história por 8 a 2 sofrida para o Bayern de Munique, pelas quartas de finais da Liga dos Campeões.

Os principais veículos de imprensa da Espanha publicaram em suas redes sociais fotos das faixas de protesto da torcida expostas nos portões do Centro de Treinamento Juan Gamper. Havia três frases com os dizeres "diretoria e jogadores, a vergonha de 121 anos de história", "menos luxo e mais orgulho" e "fora mercenários".

Os jogadores buscaram seus carros no CT e deixaram o local pelos portões dos fundos, enquanto os membros da diretoria saíram pela entrada principal. Não houve registro de incidentes.

Sob muita pressão, a diretoria do Barcelona tomará nos próximos dias decisões sobre o futuro da equipe. Segundo a imprensa espanhola, haverá uma reunião de emergência no início da semana que vem. Depois do 8 a 2, o presidente Josep Bartomeu afirmou que tomaria decisões importantes e que "algumas das quais já estavam pensadas antes do reinício da Liga dos Campeões".

Entre os assuntos a serem debatidos estão a possível demissão do técnico Quique Setién, o anúncio da data das eleições para a presidência do clube, que serão realizadas no ano que vem, e mudanças profundas no elenco e diretoria. Os atletas estão oficialmente de férias.

Em crise, o Barcelona terminou o ano sem levantar uma taça sequer, algo que não acontecia há 12 anos, desde a temporada 2007/2008. O time catalão viu o arquirrival Real Madrid ser campeão do Campeonato Espanhol e amargou a pior eliminação na Liga dos Campeões em toda a sua história.

Campeão da competição europeia em 2015, o Barcelona acumula quatro eliminações nas quartas de final e uma na semifinal. As últimas três sofrendo revezes contundentes: 3 a 0 para a Roma nas quartas de 2017/18 após fazer 4 a 1 no jogo da ida, 4 a 0 para o Liverpool na semifinal do ano passado, depois de um triunfo por 3 a 0 em casa, e agora a goleada histórica de 8 a 2 sofrida para o Bayern de Munique, que deu uma aula de futebol ao rival espanhol.