COPA DO BRASIL SUB-20: São Paulo bate Coritiba nos pênaltis e avança às quartas

Atlético-MG, Bahia, Internacional e Vasco da Gama também garantiram suas vagas

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 28 - Nesta quarta-feira (28), a bola rolou em várias partes do país em jogos válidos pelas oitavas de final da Copa do Brasil Sub-20. Com emoção e gols de sobra, cinco partidas foram disputadas. No fim das contas, Atlético-MG, Bahia, Internacional, São Paulo e Vasco da Gama garantiram a vaga nas quartas da competição. Veja abaixo como aconteceram os confrontos:

Vasco da Gama 4 x 1 Moto Club-MA

Após empatar em 2 a 2 na partida de ida, o Vasco se impôs no Nivaldo Pereira, em Nova Iguaçu (RJ), e venceu o Moto Club pelo placar de 4 a 1 para garantir a classificação. O time carioca abriu a conta aos sete minutos, quando MT apareceu livre para aproveitar rebote do goleiro. Não contente, o Gigante da Colina seguiu em cima e ampliou aos 17, com Figueiredo batendo no canto esquerdo. Figueiredo ainda fez mais um gol nos acréscimos e levou o clube do Rio de Janeiro para os vestiários com 3 a 0 no marcador.

No segundo tempo, Mathias começou com belíssima jogada na área, mas o goleiro do Papão do Norte pegou. A partir daí, o Vasco administrou o resultado até chegar ao quarto gol, com o lateral-esquerdo Riquelme aos 31 minutos. Já nos acréscimos, aos 47, o Moto fez um golaço de honra com Ronald para fechar o placar. O time carioca espera o vencedor do duelo entre Sport e Avaí para conhecer seu adversário nas quartas.

Bahia 1 (6) x (5) 2 Ceará

Bahia e Ceará fizeram um jogo emocionante no CT da Praia do Forte, em Mata de São João (BA). Depois do 2 a 1 para os baianos na ida, o placar se inverteu, mas o Tricolor garantiu a vaga nos pênaltis, vencendo por 6 a 5. O São Paulo será o adversário nas quartas. No tempo normal, o time da casa saiu na frente aos 20 minutos com Thiago, que mandou para o gol vazio após driblar o goleiro. Mesmo atrás, o Vozão não atacou muito na etapa inicial: a primeira boa chance do Alvinegro aconteceu já na reta final, em chute de Pedro Higor. Nos acréscimos, porém, o panorama mudou: Barcelos, do Esquadrão de Aço, foi expulso em uma dividida dura com Guthierres - o atacante teve que ser retirado de ambulância do estádio.

Em vantagem numérica, a equipe cearense voltou do intervalo cheia de gás e virou antes dos dez minutos: Rayan empatou no primeiro lance, e Marco Antônio encheu o pé aos sete para decretar o 2 a 1 - placar que se manteve até o fim e levou o confronto para os pênaltis. Na disputa de penalidades, todas as cinco primeiras cobranças dos dois times foram convertidas. Nas alternadas, Marquinhos cobrou para o Vozão e Fabrício defendeu. Com a vaga nos pés, Daniel bateu com classe para fazer 6 a 5 e classificar o Bahia.

São Paulo 1 (5) x (3) 1 Coritiba

No estádio Marcelo Portugal, em Cotia (SP), São Paulo e Coritiba repetiram o placar de 1 a 1 da ida e decidiram a vaga nas quartas de final nos pênaltis. Marcão, goleiro do Coxa que fez defesa de penalidade no último minuto do tempo regulamentar, foi o único a errar sua cobrança. Com isso, o Tricolor venceu por 5 a 3 e avançou. Na próxima fase, o time paulista pega o Bahia.

O Coxa começou melhor na partida e conseguiu a primeira boa oportunidade aos 20 minutos, mas o goleiro Arthur salvou os paulistas em finalização cara a cara. Aos 30, porém, não teve jeito: Kazu invadiu a área em velocidade e tocou no canto para colocar os paranaenses na frente. O Tricolor pouco ameaçou e o primeiro tempo terminou mesmo em 1 a 0.

Aos 24 da etapa final, Galeano, do São Paulo, completou bom cruzamento com um cabeceio certeiro e deixou o placar novamente igual. O time da casa manteve superioridade leve e teve a chance de vencer após Ângelo cometer penalidade ao colocar a mão na bola dentro da área, já no último lance. No entanto, Juan bateu mal e o goleiro Marcão pegou aquele que seria o gol da vaga. Na disputa de pênaltis, contudo, o arqueiro acabou vivendo momento oposto e desperdiçou a única cobrança da série. O Tricolor, que converteu todas as cobranças, avançou.

Atlético-MG 3 x 1 Bragantino-PA

Jogando no Sesc Alterosas, em Belo Horizonte (MG), o Atlético, que já havia vencido a ida contra o Bragantino-PA por 4 a 2, não teve dificuldade e triunfou novamente, desta vez por 3 a 1. O primeiro tempo foi dominado pelo time mineiro, que abriu o placar aos 12 minutos, com bonito chute de Matheus Alisson, sem deixar a bola cair. Aos 37, Echaporã recebeu em velocidade e foi derrubado por Gamarra na área: pênalti. Na cobrança, ele mesmo bateu com muita força e ampliou.

No segundo tempo, o Gigante do Caeté diminuiu aos 12: Ramon bateu forte em cobrança de falta à distância, o goleiro deixou a bola passar e o atacante Bruno Benício, quase em cima da linha, completou para a rede. Porém, o time da casa administrou bem o resultado e ainda fechou o placar aos 44, em cabeceio de Pedro na segunda trave após cruzamento certeiro de James. Na próxima fase, o Galo pega o vencedor do confronto entre Flamengo e Goiás.

Galvez-AC 0 x 1 Internacional

Após vencer em seus domínios por 3 a 0, o Internacional foi à Arena Acreana, em Rio Branco (AC), para enfrentar o Galvez-AC e triunfou novamente, desta vez por 1 a 0, garantindo a classificação. Sem a necessidade de sair em busca do resultado, o Colorado esperou o time da casa no início e o que se viu foi um primeiro tempo com poucas emoções - a melhor chance foi de Rick, do Imperador, que cabeceou para fora aos 14 minutos.

Na etapa final, o Inter voltou em cima e quase abriu o placar no minuto inicial, em chute de primeira de Gustavo que foi para fora. Os gaúchos seguiram tentando abrir o marcador, mas sem ameaçar tanto. Já nos acréscimos, aos 48, Douglas Cunha recebeu em profundidade, driblou o goleiro e fez o gol da vitória. O Colorado espera agora o vencedor do confronto entre Palmeiras e Londrina para conhecer o oponente da próxima fase.

Confira os resultados da 2ª rodada
São Paulo
1
x
1
Coritiba
Bahia
1
x
2
Ceará
Vasco
4
x
1
Moto Club-MA
Galvez-AC
0
x
1
Internacional
Atlético-MG
3
x
1
Bragantino-PA
Próximos Jogos
Sport x Avaí
29/10/2020 15:00
Goiás x Flamengo
29/10/2020 15:30
Palmeiras x Londrina
29/10/2020 20:00