Com veto na Bahia, Copa do Nordeste poderá terminar no Ceará

A Liga do Nordeste deverá escolher o Estado que mais cedo liberar o futebol

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 06 (AFI) - Os clubes da Copa do Nordeste concordaram em terminar o torneio em uma única sede. No entanto, a escolha segue sendo uma decisão delicada. O Estado de Pernambuco largou como favorito, mas já avisou que não terá condições de receber o torneio. A Bahia, então, abraçou, mas o novo veto do Governo, por mais sete dias, retardou o processo de retomada.

Com isso, o Estado do Ceará ganhou um novo fôlego na disputa, já que o Governo está sendo pressionado pelos três principais clubes: Fortaleza, Ceará e Ferroviário. Mas, por enquanto, a liberação do futebol acontecerá apenas no dia 20 de julho.

O trio entende que antecipar o retorno do futebol fará com que o Estado receba a Copa do Nordeste, sendo isso bom economicamente para o Estado do Ceará. A Liga do Nordeste definirá a sede em cima da liberação por parte do governo.

Copa do Nordeste segue em situação indefinida
Copa do Nordeste segue em situação indefinida
COMO ESTAVA?
A Copa do Nordeste foi paralisada restando uma rodada para o fim da primeira fase. Após os oito jogos da oitava rodada, apenas oito equipes avançarão às quartas de final.

Atualmente, no Grupo A, o Fortaleza está na liderança, com 14 pontos, na frente de Bahia, 14, Botafogo-PB, 12 e ABC, nove. Os quatro primeiros colocados do Grupo B são Confiança, 13 pontos, Vitória, 13, Náutico, 11, e Ceará, 11.