Cruzeiro volta atrás e banca permanência de Adilson Batista

O conselho gestor mudou de opinião após uma reunião na tarde desta quinta-feira

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 12 (AFI) - Reviravolta! O técnico Adilson Batista seguirá no comando técnico do Cruzeiro, ao menos, até o próximo compromisso do clube. A Raposa enfrenta o Coimbra, no domingo, às 16h, na Arena Independência.

A manutenção de Adilson Batista foi decidida na tarde desta quinta-feira em reunião entre integrantes do conselho gestor. O treinador foi bancado, principalmente, por Pedro Lourenço, responsável por dar aporte financeiro ao clube e pagar parte dos salários de Marcelo moreno, e Carlos Ferreira, que fez um papel de interlocutor entre futebol e diretoria.

Curiosamente, a demissão de Adilson havia sido confirmada por um integrante do próprio conselho gestor do clube. O treinador, inclusive, não havia sido comunicado sobre a decisão e, depois de um almoço, chegou ao seu ouvido que ficaria no clube.

O Cruzeiro venceu apenas uma das últimas nove partidas, mas a avaliação no clube é de que Adilson Batista ainda não teve tempo para montar um time competitivo porque alguns reforços ainda nem estrearam pelo clube, como os zagueiros Marllon e Ramon - o volante Jean, que chegou do Palmeiras, só entrou em campo aos 42 minutos do segundo tempo do clássico contra o Atlético-MG.

Adilson em almoço com a cúpula celeste
Adilson em almoço com a cúpula celeste

Além disso, das poucas peças que permaneceram da temporada de 2020, os meio-campistas Ariel Cabral e Robinho ainda nem puderam ser aproveitados pelo treinador.

Assim, há a expectativa de que Adilson Batista consiga montar um time mais forte quando essas peças estiverem disponíveis. Ainda assim, o treinador segue pressionado.

MAIS DO TREINADOR
Adilson Batista dirigiu o Cruzeiro em 14 oportunidades, com quatro vitórias, quatro empates e seis derrotas, sendo três delas no Campeonato Brasileiro. No entanto, as duas últimas foram mais doídas, diante de Atlético (2 a 1) e CRB (2 a 0).

O Cruzeiro está fora da zona de classificação às semifinais do Campeonato Mineiro - é apenas o quinto colocado. E com a derrota para o CRB no Mineirão, ficou em situação bastante complicada para avançar à quarta fase da Copa do Brasil.

Com Adilson Batista no banco de reservas, o Cruzeiro voltará a jogar neste domingo, quando vai encarar o Coimbra, pela nona rodada do Campeonato Mineiro, no estádio Independência, em Belo Horizonte.