Realização de competições mesmo sem vacina dá confiança para Olimpíada, diz Bach

Apesar disso, o dirigente esportivo disse que o COI está atento aos testes disponíveis para realizar os Jogos Olímpicos de Paralímpicos

por Agência Estado

Campinas, SP, 23 (AFI0 - A retomada de diversas competições, de diferentes modalidades, nos últimos meses, mostra que a realização dos Jogos Olímpicos de Tóquio será viável em 2021, afirmou nesta terça-feira, o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach.

Na sua avaliação, a organização dos Jogos ganhou confiança nas últimas semanas, diante dos eventos esportivos que vêm sendo realizados em diferentes cantos do mundo.

"Há sinais alentadores da comunidade científica e médica sobre a disponibilidade de vacinas a serem aprovadas nos próximos meses, talvez até mesmo até o fim deste ano", afirmou Bach. "Ao mesmo tempo, estas últimas semanas mostraram que podemos organizar grandes eventos esportivos de um jeito seguro mesmo sem uma vacina."

Confiança na realização dos Jogos. (Foto: Divulgação)
Confiança na realização dos Jogos. (Foto: Divulgação)
TESTES!
Apesar disso, o dirigente esportivo disse que o COI está atento aos testes disponíveis para realizar os Jogos Olímpicos de Paralímpicos de Tóquio em segurança.

"Além dos métodos de teste já existentes, há uma série de chamados testes rápidos já no mercado ou em desenvolvimento. Quando usados em combinação com outras contramedidas contra o vírus, esses testes rápidos nos fornecem uma ferramenta adicional importante para garantir um ambiente seguro para todos os envolvidos."

É O COMEÇO!
O presidente do COI disse também, em carta aberta publicada no próprio site da entidade, que a realização de grandes eventos nas últimas semanas encorajou o Comitê Organizador dos Jogos de Tóquio e o COI.

Nas últimas semanas, foram disputados o US Open, de tênis, a Volta da França, de ciclismo, e foram retomados grandes competições de futebol, como a Liga dos Campeões e os Campeonatos Inglês, Francês, Alemão, Italiano e Português, entre outros.

"A recepção muito positiva desses eventos demonstra claramente que não apenas os atletas e organizações esportivas, mas também o público em geral anseia pela volta do esporte como parte importante de nossas vidas. Isso deve dar a todos nós confiança em nossos preparativos para eventos futuros, incluindo os Jogos Olímpicos de Tóquio", declarou o alemão.