Marcos Felipe aposta na força mental para Fluminense escapar do rebaixamento

Sem atuar por 22 meses, Marcos Felipe venceu a disputa com Agenor e fez questão de destacar o apoio dos companheiros

por Agência Estado

Rio de Janeiro, RJ, 18 (AFI) - Dono da meta do Fluminense até o fim da temporada, após o titular Muriel fraturar a mão esquerda, Marcos Felipe, de 23 anos, apontou o fator psicológico como o mais importante para o Fluminense enfrentar a briga do rebaixamento nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro.

"O que a gente precisa trabalhar é a parte mental e alguns detalhes táticos. Precisamos errar o mínimo possível porque essa reta final do campeonato não permite muitos erros. Precisamos trabalhar bastante essa parte mental para ter a melhor atuação nestes cinco jogos que restam", pregou ele.

"A positividade existe dentro do grupo. Todos estão muito concentrados e acreditando que podemos sair dessa situação. Não esperávamos tomar um gol no final contra o Atlético mas temos a certeza de que vamos fazer um grande jogo contra o CSA", completou o goleiro, em entrevista coletiva, nesta segunda-feira, referindo-se ao empate, por 1 a 1, com o Atlético-MG, sábado, no Maracanã.

Marcos Felipe se diz pronto. (Foto: Lucas Merçon / Fluminense)
Marcos Felipe se diz pronto. (Foto: Lucas Merçon / Fluminense)
QUASE DOIS ANOS!
Sem atuar por 22 meses, Marcos Felipe venceu a disputa com Agenor e fez questão de destacar o apoio dos companheiros mais experientes para assumir a titularidade da meta do Fluminense em um momento de definição da temporada.

"Tentei me manter o mais tranquilo possível. O futebol é muito dinâmico. Temos sempre que estar preparados para as oportunidades. No nosso grupo damos força um para o outro. Muriel e Agenor sempre me apoiaram", comentou o goleiro.

"Procurei observar o Muriel e absorver o que ele fazia de bom. Ele é um grande profissional e me passou toda experiência dele e tudo que precisava fazer dentro de campo. Encarava os treinos como os meus jogos. Fico feliz com o reconhecimento da torcida. São quase 11 anos no Fluminense e tudo que faço é para dar o meu melhor para clube que me abriu as portas para o futebol."

TRABALHO!
O elenco do Fluminense se reapresentou nesta segunda-feira para iniciar os trabalhos para o jogo contra o CSA, em Maceió, na próxima segunda-feira, pela 34.ª rodada do Brasileirão. O técnico Marcão poderá contar com o retorno do lateral-esquerdo Caio Henrique, após atuar pela seleção olímpica em torneio na zaga. Ele vai compor o sistema defensivo com Gilberto, Nino e Digão.

No meio-campo, Allan e Yuri devem continuar como os volantes, enquanto Ganso e Daniel cuidarão da armação das jogadas. O ataque, com mau desempenho nos últimos jogos, é a maior preocupação de Marcão. João Pedro e Evanílson receber oportunidades com o treinador.