Para se recuperar no Paulistão, Oeste terá que derrubar tabu em casa

Onça não vence há quatro partidas como mandante no Estadual e há sete em qualquer torneio

por Agência Futebol Interior

Barueri, SP, 24 (AFI) - O Oeste foi derrotado pelo Novorizontino, por 2 a 0, em Novo Horizonte, na abertura do Campeonato Paulista e, agora, tentará a reabilitação contra o Ituano no sábado, às 17 horas, na Arena Barueri, pela 2ª rodada. O problema é que o Rubro não vence em casa há um bom tempo.

O jejum do Oeste no Paulistão vem desde 18 de fevereiro, quando bateu o São Bento por 1 a 0, pela 7ª rodada. De lá para cá foram quatro jogos com uma derrota e três empates. O jejum de partidas como mandante, aliás, vem até mesmo se considerar toda a temporada, independentemente do campeonato.

A seca neste caso, por sinal, é maior. São sete confrontos com quatro derrotas e três empates. O Oeste não é feliz diante da torcida desde 24 de setembro, quando superou o próprio São Bento, mas desta vez, pela 24ª rodada da Série B do Brasileirão. O adversário deste sábado não será o Bentão, mas o tabu precisará ser quebrado.

Tabu para o Oeste. (Foto: Jefferson Vieira / Oeste)
Tabu para o Oeste. (Foto: Jefferson Vieira / Oeste)
SEM MUDANÇAS!
O técnico Renan Freitas, apesar da derrota na estreia, não indicou que fará mudanças no time da Onça. Sem problemas de lesão ou suspensão, o treinador deverá optar pelo mesmo time que atuou na 1ª rodada. Só Bonilha e Rael receberam cartão amarelo.

Na 3ª colocação do Grupo A, o Oeste deverá ir a campo com Caíque França; Mantuan, Sidimar, Bruno Bispo e Rael; Betinho, Matheus Jussa, Matheus Oliveira e Mazinho; Roberto e Bruno Gonçalves.