Série B: Rodada não ajuda, e Ponte Preta vê G4 cada vez mais distante

Macaca tem cinco pontos de desvantagem em relação ao pelotão de frente e sete acima do rebaixamento

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 23 (AFI) - A derrota para o Operário em Ponta Grossa e as vitórias de rivais aumentaram a distância da Ponte Preta em relação ao G4 na Série B do Campeonato Brasileiro.

Antes em três, Macaca é separada por cinco pontos do CRB, o quarto colocado - 36 a 31. Para piorar situação, Alvinegra, sem vencer há três partidas, caiu para o 11º lugar, agora na segunda parte da tabela.

Por outro lado, time de Campinas tem 'apenas' sete pontos de vantagem em relação à zona de rebaixamento.

Ponte Preta tem cinco pontos de desvantagem em relação ao G4 - José Tramontin / Operário
Ponte Preta tem cinco pontos de desvantagem em relação ao G4

Em busca de reabilitação sob comando de Gilson Kleina, a Ponte Preta vê a probabilidade de acesso B despencar para 5,3%, de acordo com o site 'Chance de Gol' - o portal aponta 0,9% de queda.

O QUE VEM POR AÍ?

Depois de oito dias de preparação, a equipe paulista volta a campo neste quarta-feira, 25, quando visita o Paraná, às 19h15, no Estádio Durival de Britto, em novo duelo direto pelas primeiras colocações - o rival é o nono colocado com 33 e também luta por aproximação ao pelotão de frente.

Para o duelo em Curitiba, o técnico Gilson Kleina conta com as reestreias de Lucas Mineiro e Renato Cajá, oficializados como reforço há dez dias - a dupla, inclusive, treinou como titular no final de semana e deve ser escalada entre os iniciais.