Mister Dérbi: Relembre o maior 'perrengue' de Vadão pela Ponte Preta contra o Guarani

Falecido aos 63 anos, Oswaldo Alvarez disputou nove clássicos em Campinas e nunca perdeu

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 28 (AFI) - Falecido na última segunda-feira em decorrência de câncer no fígado, Oswaldo Alvarez não foi apelidado de Mister Dérbi à toa.

Respeitado e até idolatrado em Ponte Preta e Guarani, status raro em virtude da rivalidade histórica, o ex-treinador disputou nove clássicos entre 1998 e 2012 durante nove passagens pelos clubes locais e jamais foi derrotado: cinco vitórias e quatro empates.

A invencibilidade, entretanto, já esteve bem próxima de ser dissolvida. À frente do comando da Macaca, Vadão ficou perto de conhecer o dissabor da derrota, mas foi salvo por Alexandre Negri.

Vadão tem uma vitória e três empates pela Ponte Preta em dérbi
Vadão tem uma vitória e três empates pela Ponte Preta em dérbi
Na ocasião, o goleiro alvinegro, cria das categorias de base, defendeu pênalti cobrado pelo zagueiro Edu Dracena, aos 45 minutos do segundo tempo, em clássico disputado no dia 06 de abril de 2002, válido pelo Torneio Rio-São Paulo, no Brinco de Ouro da Princesa.

O empate 1 a 1, arrancado praticamente nos acréscimos, foi apenas o terceiro duelo regional disputado por Alvarez à beira do gramado.

Na época, Washington abriu o placar a favor da Ponte Preta, enquanto Zé Afonso empatou, sendo um em cada tempo.

BALANÇO

Em quatro trabalhos na Ponte Preta, Vadão contabilizou 129 jogos, com 55 vitórias, 27 empates, 47 derrotas e 49,6% de aproveitamento.

O primeiro trabalho no Majestoso foi de 2001 a 2002, até voltar em 2005, quando acertou ida ao Japão.

Pouco depois, Fumeiro retornou para Campinas, em 2006. O último trabalho foi em 2014, quando assumiu a Alvinegra no Paulistão em situação difícil e foi até às quartas de final.

Vadão é o oitavo técnico que mais dirigiu a Macaca em toda a história de quase 120 anos. Imbatível no Dérbi Campineiro, disputou quatro no lado preto e branco da cidade, com uma vitória e três empates.