Copa Paulista: Ponte Preta avança ao mata-mata e técnico afirma: 'Honrando a camisa'

Sandro Forner enalteceu a classificação e afirmou que a equipe está fazendo de tudo para honrar a camisa apesar da pouca idade

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 26 (AFI) - A Ponte Preta está classificada para às oitavas de final da Copa Paulista. Depois de empatar sem gols com a Portuguesa Santista, na tarde desta quarta-feira (25), no Estádio Moisés Lucarelli, a Macaca garantiu a terceira colocação do Grupo 4 e garantiu vaga no mata-mata. Depois da partida, o técnico Sandro Forner enalteceu a classificação e afirmou que a equipe está fazendo de tudo para honrar a camisa apesar da pouca idade.

“Muito orgulhoso dos meninos. Não podemos esquecer que estamos jogando com uma equipe jovem - composta por atletas mais novos do profissional, SUB20 e SUB17 - e muitas equipes com times mais velhos não conseguiram se classificar. É um feito importante e acredito que estamos honrando a camisa da Ponte. Joguei onze anos aqui e passo pros jogadores o que é essa camisa”, afirmou o comandante, que também fez uma análise do empate com a Portuguesa Santista.

Ao empatar com a Portuguesa Santista, a Macaca se classificou para o mata-mata (Foto: PontePress/ÁlvaroJr)
Ao empatar com a Portuguesa Santista, a Macaca se classificou para o mata-mata (Foto: PontePress/ÁlvaroJr)
“Tínhamos que ter um pouco mais de cuidado com a Portuguesa Santista, que joga muito em transição. Tivemos boas oportunidades para sair na frente, mas foi um jogo bem equilibrado. Eles, por sua vez, vieram nos respeitando, o que entendo ser resultado de boas atuações que tivemos nos jogos anteriores e que os adversários viram”, afirmou Sandro Forner, que ainda concluiu.

“Ressalto que estou muito orgulhoso desses meninos, que estavam em sua maioria há muito tempo sem jogar por causa da pandemia e conseguiram competir em jogos seguidos e se classificar. Agora a competição fica mais dura, em mata mata, mas o que eles fizeram até agora já nos traz bastante satisfação e mostra opções para o profissional, o que é importante já que fornecer atletas ao time profissional é um dos objetivos da base.”

FOCO NO MATA-MATA
Agora, nas oitavas de final a Ponte Preta irá enfrentar o São Bernardo, em jogos de ida e volta. Não há vantagem por campanha, ou seja, em caso de empates no placar agregado, a decisão irá para os pênaltis. A data dos confrontos será definida pela FPF (Federação Paulista de Futebol) nesta quinta-feira (26).