Paulista A2: Lusa promove inclusão e criança com Down entra em campo com atletas

Pequeno Miguel Ângelo, de nove anos, foi pela primeira vez ao Canindé, em ação realizada pelo Departamento Feminino do clube

por NETLUSA

São Paulo, SP, 24 - O Departamento Feminino da Portuguesa realizou uma espetacular ação na estreia da equipe na Série A2. O pequeno Miguel Ângelo, de nove anos, portador de Síndrome de Down, foi pela primeira vez ao Canindé e entrou em campo com os atletas.

REALIZAÇÃO

“Hoje é um daqueles dias para guardar na caixinha das realizações. Mig entrou em campo com os jogadores da Portuguesa”, disse Fernanda Cammarota, mãe do agora torcedor rubro-verde, ao NETLUSA

PROJETO

Foto: Divulgação / NETLUSA
Foto: Divulgação / NETLUSA

A diretora do Departamento Feminino da Lusa, Camila Castanheira, explicou o projeto de abraçar crianças deficientes.

“Nós abrimos nosso e-mail aqui na Portuguesa, criamos um camarote nas tribunas exatamente para receber essas crianças e vamos fazer todo o possível, dentro dos limites impostos pela Federação Paulista, para que elas possam entrar em campo e viver esse sonho. É uma causa pela qual vamos trabalhar e vamos incluir todas as crianças no mundo da Portuguesa”, afirmou.