Seleção FI da Série B vem com pentacampeão brasileiro e técnico 'japonês'

A 13ª rodada da Série B teve jogos emocionantes, viradas e muita disputa pelas vagas na tradicional Seleção da Rodada do FI

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 30 (AFI) - A 13ª rodada da Série B acabou com o Bragantino na liderança, com 27 pontos, seguido por Atlético Goianiense, 24, Londrina, 23, e Coritiba, 22. Paraná e Sport, ambos com 22, acabaram deixando a zona de classificação à elite do futebol nacional.

A Seleção FI é formada com os principais destaques da rodada. O ataque é de respeito, uma vez que conta com nomes como Rodrigão, referência do Coritiba nesta Série B, e o pentacampeão nacional Dagoberto, do Londrina.

GRANDE VIRADA

Bragantino ainda lidera a Série B sozinho
Bragantino ainda lidera a Série B sozinho

O técnico escolhido foi Wagner Lopes, que tem feito um grande trabalho no time do Atlético Goianiense, que virou para cima do Operário após estar perdendo por 2 a 0 e ainda colocou o time na segunda colocação do torneio.

Quem acompanhou o futebol nos anos 90 se lembra de Wagner Lopes como um dos primeiros brasileiros a disputar uma Copa do Mundo por outro país.

Ele se nacionalizou japonês e fez parte do elenco que disputou a Copa de 98, na França.

Confira a Seleção FI da Série B da 13ª rodada:

Goleiro: Jori (América-MG)

Jori foi um dos destaques do América Mineiro na vitória diante da Ponte Preta por 1 a 0. O goleiro fez grandes defesas e foi essencial para que o Coelho surpreendesse o adversário em pleno Moisés Lucarelli. Deu total segurança para os atacantes decidirem no setor ofensivo.

Lateral-direito: Bruno Souza (Guarani)

O Guarani tem como tradição revelar grandes nomes pelo lado direito. E o lateral Bruno Souza mostrou que pode ser considerado uma grata promessa da base bugrina. O jogador fez um grande jogo no empate por 1 a 1 diante do Sport. Foi ele que iniciou o lance que terminou com o gol de Davó.

Zagueiro: Wesley (São Bento)

O São Bento fez uma partida sólida na defesa para vencer o Criciúma em confronto direto contra o rebaixamento, e muito disso se deve à boa partida de Wesley. Ele levou a melhor em todas as bolas levantadas para a área e, ao lado de Elton, deu tranquilidade para o restante do time do São Bento buscar o resultado positivo.

Gilvan fez mais uma partida segura pelo Atlético-GO
Gilvan fez mais uma partida segura pelo Atlético-GO

Zagueiro: Gilvan (Atlético-GO)

Gilvan foi um dos pontos altos da vitória do Atlético-GO por 4 a 2 para cima do Operário. O jogador foi eficaz no sistema defensivo e ainda apareceu bem no ataque, marcando um dos times do novo vice-líder da Série B.

Lateral-esquerdo: Igor (CRB)
Teve participação intensa no campo de ataque e marcou o primeiro gol do CRB no empate por 2 a 2 com o Oeste. As subidas ao ataque não comprometeram o desempenho defensivo do lateral, que fez interceptações precisas para evitar jogadas perigosas do adversário.

Volante: Jean Patrick (Cuiabá)

O volante foi um dos grandes destaques do Cuiabá no empate por 2 a 2 contra o líder Bragantino. Jean Patrick marcou um lindo gol para abrir o placar e foi combativo no meio de campo durante toda a partida, fazendo com que seu time arrancasse pontos do adversário em pleno Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

Meia: Juan Alano (Coritiba)

Muitas vezes criticado pela torcida pela irregularidade, fez um jogo muito sólido na vitória por 3 a 2 sobre o Botafogo. Com habilidade, procurou o jogo e deu trabalho para a defesa adversária. Fez o gol da vitória em um lindo lance, no qual puxou contra-ataque, deu uma caneta no marcador e tabelou com Rodrigão antes de dar um bonito toque por cima do goleiro.

Meia: Felipe Gedoz (Vitória)

Foi o jogador mais procurado em campo e chamou a responsabilidade no empate por 1 a 1 com o Figueirense. Além de ter dado a assistência para o gol de Anselmo Ramon, poderia ter marcado o gol da vitória em duas pauladas que foram muito bem defendidas pelo goleiro Denis.

O experiente Dagoberto também mereceu uma vaga no concorrido ataque da Seleção da Série B
O experiente Dagoberto também mereceu uma vaga no concorrido ataque da Seleção da Série B

Atacante: Dagoberto (Londrina)

Dagoberto é o grande nome do Londrina na Série B. O atacante está acima da média e tem mostrado isso dia pós dia. Ele teve participação efetiva no vitória por 3 a 0, com direito a gol e assistência. Será que vai se aposentar mesmo no final do ano?

Atacante: Rodrigão (Coritiba)

Artilheiro isolado do campeonato, com nove gols marcados, Rodrigão tirou um dia de férias da função de goleador, mas exerceu outro posto tão importante quanto. Em um dia solidário, o centroavante deu duas assistências de muita qualidade na vitória por 3 a 2 sobre o Botafogo de Ribeirão preto.

Atacante: Luidy (Londrina)

Luidy entrou no segundo tempo e acabou se tornando o grande herói do triunfo por 3 a 0 do Londrina diante do Paraná. O atacante fez dois belos gols que asseguraram a vitória do Tubarão, que acabou entrando na zona de acesso á elite do futebol brasileiro.

Técnico: Wagner Lopes (Atlético-GO)

Em meio a tantos bons jogos na rodada da Série B, um dos mais emocionantes foi a virada do Atlético-GO sobre o Operário-PR. Mesmo depois de sair perdendo por 2 a 0, o time de Wagner Lopes não perdeu a organização e teve forças para marcar quatro gols na segunda etapa e vencer por 4 a 2.

O treinador vem fazendo grande trabalho pelo clube goiano, que já ocupa a vice-liderança da Série B com 24 pontos, três a menos do que o líder Bragantino e dois a mais do que o Paraná, primeiro time fora da zona de acesso à primeira divisão.