Vasco da Gama x Caracas-VEN - O despertar do Gigante?

Em queda livre no Brasileirão, o time cruzmaltino busca a retomada na Copa Sul-Americana

por Agência Futebol Interior

Rio de Janeiro, RJ, 27 (AFI) - Em queda livre no Campeonato Brasileiro, o Vasco da Gama aposta na mudança de torneio para reencontrar o caminho das vitórias. Nesta quarta-feira, o Gigante da Colina enfrenta o Caracas-VEN, às às 21h30, em São Januário, pela segunda fase da Copa Sul-Americana.

A partida de volta entre os dois clubes está marcada para a próxima quarta-feira, também às 21h30, no Estádio Olimpico de la Universidad Central de Venezuela, na cidade de Caracas, na Venezuela. O gol fora de casa vale como critério de desempate.

MOMENTO RUIM
A fase do Vasco da Gama não é nada boa. São nove jogos sem vitória, sendo cinco derrotas seguidas. Não é a toa que o time, que chegou a liderar o Brasileirão, entrou na zona de rebaixamento, apesar de ter tido duas partidas adiadas.

Sá Pinto quer vencer a primeira pelo Vasco da Gama (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)
Sá Pinto quer vencer a primeira pelo Vasco da Gama (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)
O técnico português Sá Pinto, que fez sua estreia na derrota para o Corinthians, por 2 a 1, na semana passada, ainda segue sem poder contar com o artilheiro Cano. O atacante não se recuperou de dores na coxa direita que o tiraram da partida contra o Timão.

Por outro lado, o treinador tem boas notícias. O meia Martin Benítez treinou nesta terça-feira e deve reforçar o Vasco da Gama, assim como o zagueiro Ricardo Graça e o volante Juninho, que foram liberados pelo departamento médico.

COMO VEM?
O Caracas-VEN garantiu presença na Copa Sul-Americana ao terminar na terceira colocação do Grupo H da Libertadores, ficando atrás de Boca Juniors-ARG e Libertad-PAR, que se classificaram para as oitavas de final. O Independiente Medellín-COL ficou na lanterna.

No último final de semana, o Caracas-VEN estreou no Campeonato Venezuelano com vitória em casa sobre o Zamora-VEN, por 1 a 0. Tudo indica que o técnico Noel Sanvicente vai repetir a escalação.

Vale lembrar que o Caracas-VEN chegou ao Brasil com muito atraso apenas na madrugada desta terça-feira. A delegação ficou dez horas no aeroporto da capital venezuelana esperando autorização para poder desembarcar no Brasil.

Ficha Técnica

Fase
Segunda Fase
Rodada
1ª rodada
Data
28/10/2020
Horário
21h30
Local
São Januário - Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro
Michael Espinoza (PER)

Assistentes
Coty Carrera (PER) e Raul Lopez Cruz (PER)

Cartões Amarelos
Vasco da Gama-BRA: Cayo Tenório, Ygor Catatau
Caracas-VEN: Guarirapa, Febres

Gols
Vasco da Gama-BRA: Tiago Reis 42' 2T
Vasco da Gama-BRA
Fernando Miguel;
Cayo Tenório, Miranda, Leandro Castan e Henrique;
Andrey, Léo Gil (Marcos Júnior) e Carlinhos (Ygor Catatau);
Vinícius (Guilherme Parede), Ribamar (Thiago Reis) e Talles Magno
Técnico: Sá Pinto.
Caracas-VEN
Velásquez;
Casiani, Villanueva, Osio e Notaroberto;
Castillo, Junior Moreno (Andreutti) e Luis González (Guarirapa);
Robert Hernández (Bonsu Osei), Celis (Edgar Silva) e Blanco (Febres)
Técnico: Noel Sanvicente.