Maranhense: Perto da abertura, 'dança das cadeiras' dos técnicos segue movimentada

Matrillo Veiga pediu para deixar o Cordino, enquanto Danilo Brito acabou sendo demitido do São José

Publicado em .

Matrillo Veiga pediu para deixar o Cordino, enquanto Danilo Brito acabou sendo demtido do São José

São Luís, MA, 24 (AFI) - Faltando um dia para começar, o Campeonato Maranhense já está com a 'dança das cadeiras' dos técnicos movimentada. Matrillo Veiga pediu para deixar o Cordino, enquanto Danilo Brito acabou sendo demitido do São José.

Veiga solicitou sua saída pois irá assumir Maranguape, equipe que ele dirigiu entre 2014 e 2015 e foi semifinalista da Segunda Divisão Cearense de 2019. Brito, por outro lado, teria confrontado a diretoria do São José pela demora em regularizar os reforços, desagradando os cartolas.

Danilo Brito  — Foto: Ivan Santana/São José
Danilo Brito — Foto: Ivan Santana/São José
REGULAMENTO
O Campeonato Maranhense de 2020 será disputado por apenas oito equipes. Na primeira fase, as equipes se enfrentam em turno único. Após sete rodadas, os dois piores estarão rebaixados para a Segunda Dvisião Maranhense de 2021.

Os dois primeiros, por outro lado, avançam diretamente às semifinais, enquanto aqueles que ficarem entre a terceira e sexta posição disputam um playoff pelas duas últimas vagas.