Melgar-PER x Bahia - Faça a sua mágica, "copeiro" Mano Menezes!

Se o Bahia chega à segunda fase após ter eliminado o Nacional, do Paraguai, o Melgar só conseguiu a vaga nos pênaltis contra o Nacional

Publicado em .

Se o Bahia chega à segunda fase após ter eliminado o Nacional, do Paraguai, o Melgar só conseguiu a vaga nos pênaltis contra o Nacional

Salvador, BA, 28 (AFI) - Mano Menezes é um técnico "copeiro". Três vezes campeão da Copa do Brasil com Corinthians e Cruzeiro, e finalista da Libertadores com o Grêmio, o gaúcho colocará toda experiência a favor do Bahia nesta quinta-feira, às 21h30, no duelo contra o Melgar no Estádio Nacional, de Lima, no Peru, pela segunda fase da Copa Sul-americana.

"São critérios, são regulamentos e comportamentos diferentes. A equipe precisa aprender a se comportar. São 180 minutos. Ou você passa ou fica pelo caminho. Temos um primeiro jogo fora de casa, tem que ter um entendimento de tentar trazer para sua casa a capacidade de decidir, se não for possível decidir no primeiro, o que quase nunca acontece para ninguém. Temos que ter maturidade, e é para isso que estamos preparando a equipe", explicou Mano Menezes.

Copeiro Mano na Sula. (Foto: Felipe Oliveira / Bahia)
Copeiro Mano na Sula. (Foto: Felipe Oliveira / Bahia)

ESTREIA RUIM!
Se o Bahia chega à segunda fase após ter despachado o Nacional, do Paraguai, o Melgar só conseguiu a vaga nos pênaltis contra o Nacional Potosí, da Bolívia.

Derrotado pelo Real Garcilaso, por 3 a 1, na rodada de abertura do Campeonato Peruano, o Melgar amarga a penúltima colocação do Grupo B.

MUDANÇAS TRICOLORES!

Para o jogo de ida, Mano não terá o lateral-direito João Pedro, que se recupera de uma cirurgia no joelho, e também com o meia Rodriguinho, sem condições de jogo. Apesar do mistério feito pelo treinador, o Bahia deverá ter as entradas de Daniel, Rossi e Gilberto nas vagas de Edson, Ramon e Fessin, respectivamente.

As dificuldades que temos são proporcionais à qualidade do elenco. Se não tivéssemos um elenco de qualidade, poderíamos sair contratando muitos jogadores no mercado. Mas temos um elenco de qualidade, e a maior prova é que temos dificuldades para encontrar jogadores que possam acrescentar nessa hora. Por isso que não se sai contratando por contratar", completou Mano.